Conquista Urgente

Conquista Urgente


Barra do Choça: Onda de violência contabiliza 6 mortos, 1 ferido e 6 apreensões em 5 dias

Terça | 27.06.2017 | 14h06
Autor: Blitz Conquista


Foto: Reprodução

O município de Barra do Choça contabiliza os resultados da onda de violência dos últimos cinco dias: 6 mortos, 1 ferido e 6 apreensões em 3 dias. Guerra entre facções: esse seria o motivo da onda de violência que atinge a cidade de Barra do Choça. Desde o início do ano, foram registrados 16 homicídios na cidade do café. De acordo com a delegada titular da cidade, Gabriela Garrido, a morte de um integrante da facção “2” foi o estopim para que seus comparsas sentenciassem o extermínio de integrantes da facção “3”. Desde então, Barra do Choça vive a onda sangrenta. Ainda segundo a delegada, o pouco efetivo policial, a extensa zona rural e as várias estradas vicinais, que dão acesso a Itapetinga, Conquista e Planalto, fazem de Barra do Choça local propicio para ser usada como esconderijo de traficantes e de drogas. De acordo com a PC, os quatro homicídios ocorridos no final de semana foram elucidados, bem como a tentativa de homicídio de um adolescente. Segundo informou a Polícia Civil, durante uma operação, investigadores foram averiguar a informação que Fernando Damasceno, vulgo Fernandinho, seria um dos lideres do Tráfico de Drogas da Cidade, juntamente com Jeovane Almeida de Oliveira, vulgo One, e os representantes da Facção “BDN – TUDO 03”, autores intelectuais de cinco dos seis crimes violentos ocorridos neste final de semana. Ele reagiu a abordagem policial. Houve revide, sendo Fernandinho baleado e morto. Com ele foram encontrados dois revólveres calibre 38 e drogas. A Polícia Militar apreendeu a motocicleta utilizada nos homicídios. A Polícia Civil afirma que a polícia continua na cidade por tempo indeterminado e nenhum crime ficará sem resposta.

Malhada de Pedras: Jovem morre em acidente entre caminhão e moto

Terça | 27.06.2017 | 12h06
Autor: Brumado Urgente


Foto: Reprodução

Na noite desta segunda-feira (26), por volta das 19 horas na cidade de Malhada de Pedras, em uma estrada vicinal da comunidade de Água Branca, aconteceu um acidente fatal para o jovem identificado como Jamilton Rocha Silva de apenas 20 anos. De acordo com informações, a vítima que estava em uma motocicleta, colidiu frontalmente com um caminhão que seguia na mesma estrada, sendo arremessado para debaixo do veículo tendo morte imediata. A Polícia Técnica esteve no local e informaram que a vítima não usava capacete, e que o motorista permaneceu no local, até a chegada dos policiais. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Brumado para exame de necropsia e já foi liberado aos familiares.

IPVA com 5% de desconto para carros com placa final 6 até quarta

Terça | 27.06.2017 | 11h17


Foto: Ilustração

Vence nesta quarta-feira (28) o prazo para os contribuintes que possuem veículos com placas de final 6 quitarem o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) com 5% de desconto, em cota única. De acordo com a Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-Ba), existe ainda a opção do pagamento do IPVA em três parcelas, com o vencimento da primeira cota também no dia 28. Caso o contribuinte prefira pagar em cota única, sem desconto, a data limite é 31 de agosto. Para efetuar o pagamento, o contribuinte deve dirigir-se a uma agência ou caixa eletrônico do Banco do Brasil, do Bradesco ou do Bancoob, com o número do Renavam em mãos. Também neste mês de junho, os proprietários de veículos de placas de finais 3 e 4 que optaram pelo parcelamento devem estar atentos ao pagamento da terceira cota, que vence nos dias 29 e 30, respectivamente. Além disso, nessas mesmas datas, vencem os prazos para pagamento em cota única, sem desconto, do imposto devido pelos veículos com placas de final 3 e 4. Ainda em junho, os contribuintes com veículos de placa final 5 que optaram pelo parcelamento devem quitar a segunda cota até o dia 29. As datas de vencimento para as demais placas podem ser consultadas no calendário do IPVA 2017, disponível no site da Sefaz-Ba (www.sefaz.ba.gov.br), clicando-se no canal Inspetoria Eletrônica e em seguida em IPVA. 

Procuradoria Geral da República denuncia Temer por corrupção passiva

Terça | 27.06.2017 | 10h08
Autor: Tribuna da Bahia


Foto: Reprodução

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou criminalmente o presidente Michel Temer por corrupção passiva no caso JBS. A denúncia foi protocolada nesta segunda-feira, 26, no Supremo Tribunal Federal. Janot atribui crime a Temer a partir do inquérito da Operação Patmos - investigação desencadeada com base nas delações dos executivos do grupo J&F, que controla a JBS. A ação proposta por Janot não pode ser aberta diretamente pelo Supremo. O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato na Corte máxima, terá de enviar a acusação formal do procurador à Câmara, Casa que pode autorizar a abertura do processo contra o presidente - é necessária a aprovação de dois terços dos 513 deputados. O caso JBS mergulhou o presidente em sua pior crise política. Na noite de 7 de março, Temer recebeu no Palácio do Jaburu o executivo Joesley Batista, que gravou a conversa com o peemedebista. Nela, Joesley admite uma sucessão de crimes, como o pagamento de mesada de R$ 50 mil ao procurador da República Ângelo Goulart em troca de informações privilegiadas da Operação Greenfield, investigação sobre rombo bilionário nos maiores fundos de pensão do País. A investigação revela os movimentos do 'homem da mala', Rodrigo Rocha Loures, ex-assessor especial do presidente. Na noite de 28 de abril, Loures foi flagrado em São Paulo correndo com uma mala de propinas da JBS - 10 mil notas de R$ 50, somando R$ 500 mil. Os investigadores suspeitam que a propina seria destinada a Temer, o que é negado pela defesa do presidente.

Jovem fisiculturista de Guanambi é encontrado morto em Montes Claros

Terça | 27.06.2017 | 09h00
Autor: Guanambi FM


Foto: Ilustração

Foi encontrado morto, na tarde desta segunda-feira (26), em um apartamento de Montes Claros (MG), o jovem guanambiense Diego Públio, de 29 anos. Informações preliminares indicam que o corpo já estava ao avançado estágio de decomposição, exalando mal cheiro intenso, o que fez vizinhos arrombarem a porta e darem de cara com a cena macabra. Diego era um conhecido fisiculturista em Guanambi e um jovem aparentemente saudável, bem conhecido na sociedade local. Seu último contato teria ocorrido no dia 21 e, desde então, os pais não tiveram mais notícias, achando que tudo estava bem. Em Montes Claros, a Polícia Civil mineira identificou o jovem pelos documentos próximos ao corpo, entrando imediatamente em contato com a família. O jovem segue no IML da cidade, aguardando a chegada de familiares para liberação. O motivo do óbito permanece desconhecido, mas a polícia acredita que algo teria provocado nele uma parada cardiorrespiratória.

Polícia Federal envia ao STF relatório de investigação sobre Temer

Terça | 27.06.2017 | 08h01
Autor: G1


Foto: Reprodução

A Polícia Federal enviou nesta segunda-feira (26) ao Supremo Tribunal Federal (STF) novo relatório da investigação sobre o presidente Michel Temer. O documento contém conclusões dos investigadores sobre suspeitas levantadas contra o presidente a partir da delação da JBS. Um relatório parcial da PF, sobre corrupção passiva, já havia sido enviado na semana passada, mas a polícia ainda precisava concluir as investigações sobre o crime de obstrução de Justiça. Isso porque os investigadores queriam concluir a perícia técnica da gravação feita pelo empresário Joesley Batista de uma conversa com Temer. O laudo apontou que não houve edição no material, conforme argumenta a defesa do presidente. Segundo o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, Temer e o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) agiram em conjunto para barrar as investigações da Operação Lava Jato. Ainda de acordo com o Ministério Público Federal, o presidente deu "anuência" ao repasse de dinheiro, pela JBS, a Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para que o deputado cassado não feche acordo de delação premiada. Desde que as delações da JBS se tornaram públicas, o presidente tem rebatido todas as acusações e dito que não atuou para beneficiar a JBS e nem teme delação premiada. Além disso, Temer processou Joesley Batista, dono da JBS, por calúnia, injúria e difamação.

Encceja: Prova que concede diploma do ensino médio e fundamental será em outubro

Segunda | 26.06.2017 | 18h10


Foto: Divulgação

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) anunciou nesta segunda-feira (26) as novas regras do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), prova que vai substituir o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como diploma do ensino médio. REGRAS E DATAS DO ENCCEJA; Data da prova: 8 de outubro (manhã e tarde); Inscrições: 7 a 18 de agosto; Quem pode fazer: 15 anos - nível fundamental; 18 anos - nível médio; Como será a prova: Redação + 30 itens de múltipla escolha por área, somando 120 questões; Pontuação: recebe o diploma que tirar ao menos 50% em cada área, inclusive na redação; O que vai cair na prova: O Inep diz que a prova terá as mesmas referências do Enem. O edital com detalhes será publicado em 24 de julho. A prova, que não era aplicada desde 2014, também valerá para a certificação do ensino fundamental. A estimativa é de 222.180 participantes no ensino fundamental e de 815.731 candidatos de nível médio. Serão 564 municípios participantes, em contraste com as 1,7 mil cidades onde o Enem aconteceu em 2016. O Inep vai aplicar e corrigir as provas do Encceja. Os diplomas serão distribuídos pelas secretarias estaduais de educação ou pela instituição aplicadora da prova.

Sudoeste baiano: Jovem morre após ser espancado com pauladas na cabeça

Segunda | 26.06.2017 | 17h31
Autor: Blog do Rodrigo Ferraz


Foto: Reprodução

O jovem Edson Santos foi atingido por vários golpes de pauladas na cabeça durante uma discussão no município de Boa Nova, na região Sudoeste. De acordo com a Polícia Militar, em matéria no Blog do Jeferson Almeida, ele chegou a ser socorrido, mas acabou morrendo por volta das 19h30 deste último domingo (26). Ainda segundo a PM, o suspeito da agressão foi identificado como Ivan Campos, que segue foragido. O caso segue sob investigação da Polícia Civil. Nas redes sociais, amigos e parentes prestam homenagem a Edson e lamentam pelo o ocorrido.

Temer: 'Nada nos destruirá, nem a mim nem aos nossos ministros'

Segunda | 26.06.2017 | 16h38


Foto: Reprodução

O presidente Michel Temer disse nesta segunda-feira (26) que o governo está implementando uma "agenda de modernização no país" para a qual, segundo ele, não há um "plano B". Logo em seguida, Temer afirmou que "nada nos destruirá, nem a mim nem a nossos ministros". Ele deu a declaração ao final de um discurso em evento no Palácio do Planalto para sancionar a lei que permite aos comerciantes cobrarem preços diferentes para um mesmo produto, dependendo da forma como o cliente paga. O presidente é alvo de investigações autorizadas pelo Supremo Tribunal Federal (STF) após as delações de executivos da JBS. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deve apresentar uma denúncia contra Temer até terça-feira (27). "O Brasil está nos trilhos, no caminho da responsabilidade e na rota da superação. Portanto, meus amigos, que ninguém duvide. Nossa agenda de modernização do Brasil é a mais ambiciosa em muito tempo. Tem sido implementada com disciplina, com sentido de missão. Não há plano B, há que seguir adiante. E nada nos destruirá, nem a mim, nem aos nossos ministros", afirmou Temer. Segundo o Ministério Público, o ex-assessor de Temer, Rodrigo Rocha Loures, recebeu dinheiro de propina da JBS em troca de o governo favorecer a empresa no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Loures foi filmado, em março, com uma mala contendo R$ 500 mil. Também pesam contra o presidente, que foi gravado em uma conversa por Joesley Batista, dono da JBS, outras suspeitas, como a de ter dado aval a pagamento de propina da empresa para comprar o silêncio o ex-deputado Eduardo Cunha.

O casal de marqueteiros João Santana e Mônica Moura é condenado por lavagem de dinheiro

Segunda | 26.06.2017 | 15h25


Foto: Reprodução

Em ação que condenou o ministro Antônio Palocci a 12 anos e dois meses de prisão, o juiz federal Sérgio Moro também sentenciou o casal de marqueteiros João Santana e Mônica Moura, a um ano e seis meses em regime fechado. O casal é acusado de lavagem de US$ 10,2 milhões que teriam sido pagos pela Odebrecht como caixa dois das campanhas petistas, em 2013. Os valores são oriundos de contratos entre a construtora e a Petrobras. Ao todo são 13 condenados, incluindo empresário Marcelo Odebrecht e os marqueteiros do PT João Santana e Mônica Moura - os três, delatores da Lava Jato. A ação apontou pagamentos de USD 10.219.691,08 em propinas, referentes a contratos firmados pelo Estaleiro Enseada do Paraguaçu - de propriedade da Odebrecht - com a Petrobras, por intermédio da Sete Brasil. O dinheiro foi pago ao marqueteiro do PT João Santana. Os valores serão bloqueados das contas de Palocci para ressarcir a estatal. Mesmo com o acordo de delação premiada, Moro considerou que dada "a gravidade em concreto dos crimes praticados por João Cerqueira de Santana Filho, não cabe perdão judicial". O mesmo vale para a esposa, Monica Moura. Dessa forma, o casal cumprirá um "ano e seis meses de reclusão no assim denominado regime fechado diferenciado, desta feita com recolhimento domiciliar integral e tornozeleira eletrônica". "Findo o período, deverá cumprir mais um ano e seis meses no assim denominado regime semiaberto diferenciado, desta feita com recolhimento domiciliar noturno, finais de semana e feriados, com tornozeleira eletrônica e com prestação de serviços à comunidade por vinte e duas horas mensais. 

Sancionada lei que permite descontos para compras feitas em dinheiro

Segunda | 26.06.2017 | 14h10
Autor: Tribuna da Bahia


Foto: Ilustração

O presidente Michel Temer sancionou a lei que possibilita descontos para os consumidores caso o pagamento seja feito em espécie, e não em cartão de crédito ou débito. A lei que regulamenta a diferenciação de preços tem como origem a Medida Provisória (MP) 764/2016. A cerimônia de assinatura da sanção presidencial ocorreu no fim da manhã de hoje (26), no Palácio do Planalto. Além de permitir que os comerciantes cobrem preços diferenciados para um mesmo produto em função da forma de pagamento, a medida possibilita a variação do valor em função do prazo de pagamento. Entre as mudanças feitas pelo Congresso ao texto original está a obrigação do fornecedor de informar, em lugar visível, os descontos que são oferecidos, tanto com relação ao meio de pagamento quanto em relação ao prazo. O comerciante que não cumprir essa regra estará sujeito a multas previstas no Código de Defesa do Consumidor. A diferenciação de preços já estava valendo, uma vez que ela foi apresentada por meio de MP. No entanto, como sofreu alterações durante a tramitação no Legislativo, precisa ser sancionada pela Presidência da República para virar lei. A MP foi apresentada pelo Executivo, em meio a um pacote de medidas macroeconômicas que foram publicadas sob a justificativa de possibilitar o aumento da produtividade no país. A expectativa é de que, ao permitir a diferenciação de preços, ela estimule a queda do valor médio cobrado pelos produtos, de forma a evitar que consumidores que não usam o cartão como forma de pagamento paguem as taxas dos cartões, quando embutidas nos preços dos produtos.

Médicos envolvidos em golpe do falso glaucoma podem ser cassados, diz CRM

Segunda | 26.06.2017 | 13h02
Autor: G1


Foto: Ilustração

O Conselho Regional de Medicina (CRM) de Alagoas informou nesta segunda-feira (26) que vai solicitar à Polícia Federal (PF) cópia do inquérito sobre o grupo que dava diagnósticos falsos de glaucoma para fraudar recursos da saúde. O presidente do Conselho, Fernando Pedrosa, disse que os médicos envolvidos no esquema podem ter o registro profissional cassado. Quatro suspeitos foram presos em uma operação deflagrada no dia 13 deste mês e liberados dias depois. Entre eles está o médico André Born, que já foi secretário adjunto da Saúde em Maceió e ocupou cargos no Ministério da Saúde em 2016. Os nomes dos outros não foram divulgados. As investigações apontam que a quadrilha agia, além de Alagoas, na Bahia, em Sergipe e Goiás e desviou em torno de R$ 30 milhões da saúde pública. O paciente recebia um diagnóstico falso de glaucoma e era orientado a usar colírios. Pedrosa falou que é preciso ter provas para poder avaliar a situação dos profissionais. “Se for comprovado [o crime], haverá a aplicação de penalidades do Conselho, que vai de uma advertência até a cassação do registro médico”, informou o presidente, ao dizer que no caso de punições, o médico terá o direito de defesa.

Servidores da Uneb param atividades por cinco dias

Segunda | 26.06.2017 | 12h13


Foto: Reprodução

Os servidores técnicos administrativos da Universidade Estadual da Bahia (Uneb) suspenderam as atividades desta segunda-feira (26) até sexta-feira (30), em todos os 29 departamentos da instituição na Bahia, de acordo com Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Terceiro Grau do Estado da Bahia (Sintest). Segundo a categoria, a paralisação deixa os portões fechados e a universidade sem aulas. O presidente do Sintest, Firmino Júlio de Oliveira Filho, diz que só serão mantidos serviços essenciais, como atendimentos médicos e psicológicos, além de bancas de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Os servidores pedem progressões e promoções relativas ao ano passado, extensão de carga horária de 30h para 40h, aumento do auxílio-alimentação e reajuste linear dos salários.

Bahia: Seis pessoas da mesma família morrem em acidente na BR-122

Segunda | 26.06.2017 | 11h09
Autor: Sudoeste Bahia


Foto: Reprodução

Seis pessoas de uma mesma família morreram em um acidente na BR­122, próximo ao município de Urandi (BA). A colisão aconteceu por volta das 23h de sexta-­feira (23/06). De acordo com informações obtidas pelo jornalista Vilson Nuns do site Sudoeste Bahia, o veículo onde as vítimas estavam um Fiat Uno com placa de Vitória da Conquista (BA), invadiu a contramão e bateu de frente em um ônibus com placa de Lagoa Formosa (MG). As seis vítimas fatais estavam dentro do carro de passeio, que ficou totalmente destruído. De acordo apurou a reportagem, as vítimas são: Vanda Rosa de Jesus, 46 anos, Nilzanete de Jesus Benevides, 18 anos, Luciene Silva dos Santos, 36 anos, Kauan Wellington dos Santos Alves, 11 anos e Gerberson Xavier Soares, 24 anos, faltando apenas a identificação do condutor do carro. Parentes dos falecidos relataram que todos eles são de Urandi e seguiam para participarem do São João no município de Pindaí. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que as circunstâncias do acidente serão investigadas. Os corpos das vítimas foram encaminhados para Instituto Médico Legal (IML) de Guanambi e passaram por perícia antes de serem liberados para o sepultamento. Ninguém do ônibus sofreu ferimentos. O coletivo saiu da cidade de Irecê com destino a Patrocínio (MG).

Moro condena Palocci a 12 anos e dois meses de reclusão

Segunda | 26.06.2017 | 10h00


Foto: Reprodução

O juiz federal Sérgio Moro – responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância – condenou o ex-ministro Antonio Palocci a 12 anos, 2 meses e 20 dias de reclusão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A sentença é desta segunda-feira (26). Esta é a primeira condenação de Palocci na Lava Jato. O ex-ministro foi preso na 35ª fase da operação, batizada de Omertà e deflagrada no dia 26 de setembro de 2016. Atualmente, está detido no Paraná. De acordo com o juiz, ele deve continuar preso mesmo durante a fase de recurso. Branislav Kontic, ex-assessor de Palocci, foi absolvido dos crimes a ele imputados – corrupção e lavagem de dinheiro – por falta de prova suficiente de autoria ou participação, de acordo com o juiz. O ex-executivo da Odebrecht Rogério Santos de Araújo também foi absolvido pela mesma razão. Ele respondia por corrupção.