Conquista Urgente

Conquista Urgente


Resultado da busca pela categoria "mundo"

Estudo questiona se antibióticos devem ser usados até o fim do tratamento

Domingo | 30.07.2017 | 15h08
Autor: G1/Bem Estar


Foto: Ilustração

Uma análise publicada no “British Medical Journal (BMJ)” sugere que a informação de que devemos tomar antibióticos até o fim do tratamento precisa ser melhor avaliada. Há uma argumentação central que sustenta o ponto de vista dos pesquisadores -- quanto maior o tempo de uso de antibióticos, maior a probabilidade das bactérias se tornarem resistentes (aquelas mais difíceis de tratar). Na verdade, trata-se de um quebra-cabeça que a ciência está tentando entender e há muito tempo discute. Se por um lado, a interrupção precoce também pode gerar organismos resistentes; por outro, também é fato que tratamentos longos desencadeiam o mesmo fenômeno. Assim, adiantamos: não é recomendável parar de tomar antibióticos sem orientação médica. Isso é uma questão ainda em avaliação pela ciência e o artigo do BMJ faz um questionamento para pesquisas futuras. Desse modo, a análise levanta alguns pontos para investigação: qual o tempo ótimo para parar de tomar antibióticos? Estamos prestando atenção nesse tempo? E em termos populacionais, o que o prazo de tratamento significa? Ainda há um segundo desdobramento da análise publicada nesta quarta-feira (26). Um tratamento com antibióticos não atinge somente a bactéria que está causando a infecção -- atinge a todas. A ideia do artigo do BMJ, assim, é que não basta só olhar para a bactéria-alvo, mas para todo o conjunto de bactérias existentes no organismo.

STJ veta controle prévio de conteúdo no Facebook e afasta multa diária

Quinta | 20.07.2017 | 12h08
Autor: LeiaMais.Ba


Foto: Reprodução

O Facebook não pode ser obrigado a monitorar previamente os conteúdos postados pelos usuários de sua rede, o que torna inviável a imposição de multa diária com tal objetivo. A decisão unânime foi da Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça, ao julgar recurso de relatoria da ministra Nancy Andrighi. O colegiado entendeu que o Facebook não responde objetivamente pela inserção de informações ilegais feita por terceiros em seu site. Entretanto, assim que os responsáveis pelo provedor da rede social tiverem conhecimento da existência de dados ilegais, devem 'removê-los imediatamente, sob pena de responderem pelos danos respectivos' - devendo ainda 'manter um sistema minimamente eficaz de identificação de seus usuários'. No STJ, o Facebook alegou, entre outras questões, que não está sujeito à responsabilidade objetiva e que seria impossível monitorar ou moderar o conteúdo publicado em sua plataforma, em razão da grande quantidade de novos dados inseridos a cada segundo pelos usuários. O Face sustentou ainda que precisa ser alertado previamente de que houve alguma ofensa, injúria ou difamação para, em seguida, providenciar a remoção. A ministra Nancy Andrighi afirmou que não há no ordenamento jurídico nenhum dispositivo que obrigue o Facebook a realizar monitoramento prévio dos conteúdos que serão disponibilizados.

Redes Sociais: O Orkut voltou? Não caia nessa

Quinta | 13.07.2017 | 11h09
Autor: Veja


Foto: Ilustração

A internet está indo à loucura com a nova notícia de que o Orkut estaria de volta. Mas o problema é que a rede social não está de volta. O site, Orkut.li, é uma cópia quase perfeita do local digital mais habitado pelos brasileiros nos anos 2000. Quando os usuários tentam acessar o site pelo Google Chrome, são surpreendidos por uma (enorme) tela vermelha indicando que o endereço não é confiável. O mesmo ocorre com o Mozilla Firefox. Os invasores em orkut.li podem induzir você a fazer algo perigoso, como instalar um software ou revelar suas informações pessoais (por exemplo, senhas, números de telefone, ou cartões de crédito)”, afirma o aviso. O site se trata de um Phishing, ameaça que “rouba” dados dos usuários. “Nós vimos que o site usa exatamente a identidade visual de outra entidade e pede alguns dados pessoais. Percebemos também que a plataforma apresenta perfis com fotos de pessoas diferentes, mas que publicam o mesmo texto – o que pode indicar a atividade de algum bot (robôs que realizam publicações)”, diz o especialista. A equipe da Psafe, no entanto, ainda não identificou nenhuma atividade maliciosa na página. “Até o momento, não sabemos qual é a real intenção desse endereço. Por isso pedimos muita cautela aos usuários. Assim como o site pode não enviar nada malicioso agora, pode começar a fazê-lo conforme aumente o número de acessos”, diz. O Google afirmou que não possui um posicionamento sobre o site “clone”, mas indica que: 1) o Orkut está mesmo morto; e 2) o site não está no domínio da empresa. Além disso, no blog oficial do Google, você pode conferir o adeus do Orkut em dois tempos: um, em meados de 2014, e o fim real e oficial em abril deste ano.

Instagram libera resposta a Stories com fotos e vídeos

Quinta | 06.07.2017 | 14h16
Autor: G1


Foto: Divulgação/Instagram

O Instagram liberou nesta quinta-feira (6) uma atualização para permitir que os usuários respondam aos Stories de seus amigos com uma foto ou vídeo. Até agora, só era possível enviar mensagens de texto em resposta a esses conteúdos efêmeros, que ficam apenas 24 horas no ar. A aposta do Instagram é que as conversas pelo aplicativo fiquem ainda mais visual. Como responder usando imagens: Para enviar fotos ou vídeos como resposta a um Story, toque no novo botão da câmera quando estiver assistindo a uma história. Após fazer vídeo, foto ou um Boomerang, é possível continuar a assistir outras histórias. As respostas às Stories aparecem na caixa de entrada, como já acontece. Só que aquelas que forem feitas com vídeos ou fotos são destacadas em azul e desaparecerão após serem vistas.

WhatsApp adia fim do app em celulares antigos; veja novas datas

Sexta | 30.06.2017 | 12h14


Foto: Ilustração

WhatsApp adiou o fim do funcionamento do aplicativo em celulares com sistemas operacionais antigos ou com baixa adesão ao sistema. O encerramento ocorreria nesta sexta-feira (30), mas alguns deles foram programados para ocorrer apenas em 2020. As novas datas de encerramento são as seguintes: BlackBerry OS e BlackBerry 10: 31 de dezembro de 2017; Nokia S40: 31 de dezembro de 2018; Nokia Symbian S60: 30 de junho de 2017; Windows Phone 8.0 e versões anteriores: 31 de dezembro de 2017; Android 2.3.7 e versões anteriores: 1º de fevereiro de 2020. O único modelo que continuou na lista e deve parar de poder acessar o WhatsApp é o iPhone 3GS, que roda o sistema operacional iOS 6. O WhatsApp informa que, ainda que não vá encerrar imediatamente o suporte para as esses sistemas, alguns recursos podem parar de funcionar “devido a não desenvolvermos ativamente para estar plataformas”. “Estas plataformas possuem certas limitações que nos impedem de expandir nossos recursos no futuro. Caso você seja usuário de alguma destas plataformas, e queira continuar utilizando o WhatsApp, nós recomendamos que troque seu aparelho por um mais atual”, informa o aplicativo de mensagem.

Twitter vai permitir que artistas recebam dinheiro de fãs por vídeos no Periscope

Quinta | 22.06.2017 | 09h40


Foto: Ilustração

O Twitter prepara o lançamento de um sistema para permitir que pessoas ganhem dinheiro ao transmitir vídeos ao vivo no serviço Periscope. A mudança é uma forma da companhia tentar competir com o YouTube e outros na busca de talentos da internet. As pessoas que assistem ao Periscope terão a possibilidade de enviar uma contribuição aos artistas e emissoras usando uma variedade de corações que são, de fato, uma moeda virtual que usuários podem comprar, afirmou a empresa. A princípio, apenas transmissões dos Estados Unidos serão beneficiadas, mas o Periscope disse que planeja expandir o serviço para outros países em breve. Após o processamento de pagamentos e taxas, os artistas receberão cerca de 70% da receita restante, disse o Twitter, sem dar estimativas sobre seu próprio lucro potencial com o sistema. Lançado em 2015 pela empresa, o Periscope anunciou que transmitiu 77 milhões de horas em vídeos ao vivo gerados pelos usuários nos três primeiros meses de 2017, mas não informou o número de visualizações. O YouTube, da Alphabet, disse em fevereiro que estava lançando transmissão de vídeo ao vivo em dispositivos móveis para usuários com mais de 10 mil seguidores, expandindo sua própria oferta para ajudar os artistas on-line a ganhar dinheiro.

Google libera busca por emprego na sua página de pesquisas

Quarta | 21.06.2017 | 09h22
Autor: Tribuna da Bahia


Foto: Ilustração

A procura de um novo emprego ficou mais fácil. O Google lançou nesta terça-feira um novo recurso de pesquisa de vagas diretamente em sua ferramenta de busca que permite procurar por oportunidades em praticamente todos os principais sites do ramo, como LinkedIn, Monster, WayUp, DirectEmployers, CareerBuilder, Facebook e outros. Tudo isso em poucos cliques. A ideia é oferecer aos candidatos uma maneira fácil de ver quais empregos estão disponíveis sem que eles precisem acessar vários sites. Com esta nova funcionalidade, a página de resultados da pesquisa irá mostrar uma ampla gama de vagas adequada à procura. A partir daí, o internauta pode refinar sua consulta para incluir apenas oportunidades em tempo integral, por exemplo. Também é possível filtrar vagas por setor e local de atuação. Depois de encontrar resultados que o interesse, o usuário pode ativar as notificações para receber um alerta imediato quando uma nova oportunidade que corresponde à consulta personalizada for divulgada. Quando o usuário encontrar a vaga ideal ao seu perfil, o Google irá direcioná-lo para o site da empresa para iniciar o processo de inscrição. Por ora, o recurso só está disponível no idioma inglês.

Justiça da França condena Maluf a três anos de prisão por lavagem de dinheiro

Terça | 20.06.2017 | 17h00
Autor: G1


Foto: Reprodução

Corte de Apelações de Paris condenou o deputado Paulo Maluf a três anos de prisão e multa de 200 mil euros por lavagem de dinheiro em território francês. Silvia Maluf, sua mulher, e o filho mais velho do casal, Flávio Maluf, também foram condenados. A defesa de Maluf afirmou que vai recorrer da decisão. A assessoria de Maluf confirmou teor da sentença que menciona diretamente obras do túnel Ayrton Senna e da Avenida Água Espraiada, sob suspeita de superfaturamento. O parlamentar e seus familiares segundo a justiça francesa, são acusados de enviar o dinheiro dos crimes para empresas offshore e contas em bancos no exterior. Em 2016, a 11ª Câmara do Tribunal Criminal de Paris já havia condenado Maluf e a defesa recorreu à Corte de Apelações de Paris. Agora, o recurso vai à Corte Suprema de Paris. A Justiça francesa também confiscou 1,8 milhão de euros que estavam em contas da família e valores em espécie, além de impor multas aos três que somam 500 mil euros. A apuração na França se baseou no compartilhamento de provas da Procuradoria Geral da República e do Ministério Público do Estado de São Paulo em razão de ações contra o parlamentar. Segundo a PGR, a Justiça francesa afirmou que os três agiram para ocultar a origem de recursos oriundos de corrupção e peculato e enviar valores para empresas offshore (firmas criadas para fazer investimentos no exterior) e contas em bancos no exterior. Na sentença, são citados processos no Brasil como beneficiário de fundos no exterior.

Acidente de trânsito é maior causa da morte de jovens

Domingo | 21.05.2017 | 08h04
Autor: VEJA


Foto: Ilustração

Os acidentes de trânsito são a principal causa de morte entre jovens de 10 a 19 anos em todo o mundo, segundo um relatório publicado nesta terça-feira pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Ao menos 115.302 adolescentes morreram em 2015 por conta dessas ocorrências nas vias públicas. No total, de acordo com a publicação, a cada ano morrem 1,2 milhão de jovens por causas evitáveis, e mais de dois terços das mortes acontecem nos países em desenvolvimento, especialmente no continente africano e no sudeste asiático. Depois dos acidentes de trânsito, que ocupam a primeira posição, as causas que mais matam adolescentes em 2015 foram infecções respiratórias (72.655), suicídios (67.149), doenças diarreicas (63.575) e afogamentos (57.125), de acordo com a OMS. Pelo menos 3.000 jovens morreram por dia, ao longo do período analisado no relatório, intitulado “Acelerador da Ação Global a favor da Saúde dos Adolescentes: Guia para apoiar a implementação em cada país”. A organização afirma que a maioria dessas mortes pode ser prevenida com bons serviços de saúde, educação e apoio social – porém, em muitos casos, os adolescentes que sofrem de distúrbios de saúde mental, uso de substâncias ou má nutrição não podem obter serviços críticos de prevenção e assistência, seja porque os serviços não existem, seja porque não os atendem.

Facebook começa a esconder links que possam ser pegadinhas

Quarta | 17.05.2017 | 18h04
Autor: Brumado Urgente


Foto: Ilustração

Quem nunca abriu um link porque ficou curioso para saber do que se trata já que o título da matéria soou bem interessante? Só que ao abrir, você descobre que a matéria não era tão importante ou até mesmo sem coerência nenhuma com o título. De acordo com matéria publicada no G1, o Facebook vai começar a esconder esses links do seu feed de notícias, denominados de "pegadinhas" ou de "caça-clique". O recurso foi criado no ano passado, mas só em inglês, e começa a ser testado nesta quarta-feira (17) em novos idiomas, entre eles o português do Brasil. A ideia é enfraquecer postagens que omitem e/ou exageram detalhes de uma história. Um exemplo; "Corinthians fecha contrato com atleta que atua na Europa" Você não sabe quem é o jogador, qual é o clube europeu... Ou seja: o porquê da notícia ser relevante. E acaba clicando só para descobrir que se trata de um reserva desconhecido na Ucrânia. Segundo o organizador do serviço, o novo recurso anti-pegadinhas opera da mesma forma que um filtro de spam do seu serviço de e-mail. "Nós temos uma equipe no Facebook que categorizou centenas de milhares de manchetes como sendo 'caça-clique' ou não seguindo esses critérios. Se elas exageram ou omitem detalhes de uma história", afirma.

Louco por doces? Seu fígado pode ser o culpado

Domingo | 14.05.2017 | 12h02
Autor: Tribuna da Bahia


Foto: Ilustração

Você é uma pessoa que não pode ficar sem comer doces? A culpa disso pode ser de variações de um gene que se ativa no seu fígado. Segundo o estudo conduzido pelo Novo Nordisk Foundation Center for Basic Metabolic Research, entidade sediada na Universidade de Copenhague, na Dinamarca, "um hormônio chamado FGF21 que é secretado pelo fígado depois de comer doces pode determinar" quem é mais viciado nesses alimentos açucarados. De acordo com a pesquisa, divulgada na revista científica "Cell Metabolism", quem possui certas variantes ou mutações do gene FGF21 acaba tendo uma chance maior de ser um grande consumidor de doces, como balas, chocolates e sorvetes, em relação a outras pessoas e tendo uma maior dificuldade de resistir à tentação de comer esses alimentos. Neste estudo, descobriu-se que o gene FGF21 tem um papel importante na regulação da quantidade de doces que uma pessoa tende a comer, ou seja, de um certo modo, ele tem responsabilidade no "controle da gula por doces" de cada um. 

Bizarro: Família vive com avô morto, dentro de casa

Sábado | 22.04.2017 | 15h04
Autor: Conquista News


A morte ainda é um mistério para muitos, pois não sabem o que farão, para onde vão ou como irão sentir-se depois de partir. Há pessoas que não suportam o fato de ficar próximas a alguém que morreu, por medo ou por outros sentimentos negativos. Nada sobre o assunto foi comprovado cientificamente mas, segundo algumas religiões, quando alguém morre, seu sopro de vida, o que chamamos de alma, retorna para Deus e seu corpo não tem mais nenhuma reação. Neste artigo você irá conhecer a história de uma família que convive diariamente com o avô falecido dentro de casa. Um repórter foi até a Indonésia, lugar onde mora a família, e contou em detalhes como é o dia daquelas pessoas. Segundo ele, o corpo do velho estava em um caixão dentro de uma quartinho e estava todo colorido. 

Ministro chinês diz que EUA e Coreia do Norte podem entrar em guerra 'a qualquer momento'

Sábado | 15.04.2017 | 07h07


(Foto; Reprodução)

O ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, alertou que Estados Unidos e Coreia do Norte podem entrar em guerra "a qualquer momento". Em declaração dada nesta sexta-feira (14), o chanceler ressaltou que o governo chinês vai apoiar tentativas de diálogo. "Existe a sensação de que o conflito pode começar a qualquer momento. Acho que todas as partes envolvidas devem manter alta a vigilância sobre essa situação", disse o ministro. "Pedimos para todas as partes pararem com as provocações e ameaças e não permitirem que a situação se torne irreparável ou fora de controle", pediu Wang durante entrevista coletiva com o chanceler francês, Jean-Marc Ayrault. A tensão entre Coreia do Norte e Estados Unidos se intensificou com a eleição de Donald Trump. O presidente americano já ameaçou atacar o país asiático caso Pyongyang siga realizando testes militares.

Mundo: EUA lançam pela 1ª vez maior bomba não-nuclear no Afeganistão

Quinta | 13.04.2017 | 15h05


MOAB, bomba do tipo lançado no Afeganistão (Foto: Força Aérea dos Estados Unidos)

Os Estados Unidos lançaram pela primeira vez uma bomba MOAB GBU-43, apelidada de "mãe de todas as bombas", no Afeganistão, segundo informou o Pentágono nesta quinta-feira (13). Esta bomba é a mais potente não-nuclear já usada pelos EUA, segundo o Pentágono. De acordo com o porta-voz do órgão Adam Stump, ela tem 11 toneladas de explosivos. O artefato foi usado na provícia de Nangarhar, no Afeganistão, para atacar túneis e cavernas usadas pelo Estao Islâmico na região. Segundo o porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, o ataque foi lançado às 19h locais (por volta de 11h30, pelo horário de Brasília). "Os Estados Unidos leva muito a sério a luita contra o Estado Islâmico e para destruir o grupo temos que tirar dele espaço de operação, que foi o que fizemos", disse Spicer. A bomba foi lançada por uma aeronave MC-130, operada pelo Comando de Operações Especiais da Força Aérea, disseram fontes militares da CNN. Os militares estão atualmente avaliando os danos causados. A bomba foi desenvolvida durante a Guerra do Iraque.

Mídia estatal da Coreia do Norte alerta para ataque nuclear contra EUA em caso de provocação

Terça | 11.04.2017 | 11h11


(Foto: Reprodução)

A mídia estatal da Coreia do Norte alertou nesta terça-feira (11) para um ataque nuclear contra os Estados Unidos a qualquer sinal de uma ação militar preventiva dos americanos. A notícia circula enquanto um grupo de ataque da Marinha dos EUA, liderado por uma aeronave de propulsão nuclear, avançava em direção ao oeste do Pacífico. As tensões se acirraram acentuadamente na península coreana, com especulações sobre uma possível ação militar dos Estados Unidos, após o ataque dos EUA na semana passada contra a Síria e em meio a preocupações de que o reclusivo regime norte-coreano possa em breve realizar seu sexto teste de lançamento nuclear. O jornal oficial norte-coreano Rodong Sinmun disse que o país está preparado para responder a qualquer agressão dos EUA. "Nosso revolucionário Exército forte está observando atentamente todos os passos de elementos inimigos, com nosso olhar nuclear focado nas bases invasoras dos EUA não apenas na Coreia do Sul e no teatro de operações do Pacífico, mas também no continente norte-americano", afirmou. O deslocamento do porta-aviões "USS Carl Vinson" e seu grupo de ataque coincide com a intenção de Washington de promover sua capacidade defensiva na região frente às ambições nucleares da Coreia do Norte.