Conquista Urgente

Conquista Urgente


Resultado da busca pelo arquivo de "06/2017"

Conta de luz voltará a ter cobrança extra em julho, informa Aneel

Sexta | 30.06.2017 | 20h04


Foto: Ilustração

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (30) que a bandeira tarifária de julho será amarela, o que implica em uma cobrança extra nas contas de luz de R$ 2 a cada 100 kilowatts-hora (kWh) consumidos. Depois de passar os meses de abril e maio na cor vermelha, patamar 1, com uma taxa extra de R$ 3 a cada 100 kWh consumidos, a bandeira ficou verde em junho e cobrança foi suspensa. Segundo a Aneel, "o fator que determinou para o acionamento da bandeira amarela foi o aumento do custo de geração de energia elétrica." A evolução das cores da bandeira tarifária indica que o custo de produção de energia no país aumentou. Isso está relacionado com a chuva abaixo do previsto, o que acaba reduzindo o armazenamento de água nos reservatórios das hidrelétricas ou fazendo com que esse armazenamento suba menos que o esperado. Quando isso acontece, aumenta a necessidade de uso de energia gerada por termelétricas, que é mais cara que a das hidrelétricas (as termelétricas usam combustível para produzir eletricidade). Por isso, sobe a cobrança extra da bandeira nas contas de luz.

Aluno de medicina expulso por suspeita de fraude entra na Justiça para reverter decisão

Sexta | 30.06.2017 | 18h02
Autor: G1 Bahia


Foto: Reprodução

Um dos sete estudantes expulsos da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia por suspeita de fraudar documentos para ingressar na instituição, por meio de cotas quilombolas, entrou na Justiça para tentar reverter a decisão, considerada por ele como "injusta". Maurício Guilherme Nunes, aluno do curso de medicina, diz que apresentou documentos que comprovam que ele residia na comunidade quilombola Itaguaçu, em Livramento de Nossa Senhora, mas que mesmo assim a universidade optou por fazer o desligamento da sua matrícula.Ele diz ter apresentado um atestado de que a comunidade de Itaguaçu é área quilombola e também um atestado da presidente do quilombo de que ele era morador de lá. No último dia 9 de janeiro, no entanto, o aluno foi notificado pela Uesb de que seria expulso do curso por "falsidade ideológica". O estudante destacou, no entanto, que apresentou também o título eleitoral, com zona da comunidade, e abaixo assinado de moradores do quilombo afirmando que ele realmente morou lá. Ele ainda destacou que o Ministério Público o investigou, concluiu que ele estava vinculado à comunidade quilombola e arquivou o caso, mas que isso não foi suficiente para convencer os investigadores da Uesb. O G1 procurou o MP-BA, que ficou de se posicionar sobre o caso. A procuradoria jurídica da Uesb informou que Maurício teve o direito de defesa garantido durante o processo administrativo instaurado pela universidade, e que a matrícula dele foi cancelada porque o estudante não comprovou a condição de morador do quilombo.

MP apura irregularidades em delegacia de Livramento

Sexta | 30.06.2017 | 17h02
Autor: L12


Foto: Reprodução

Após visita técnica na delegacia de Livramento de Nossa Senhora, no sudoeste baiano, o Ministério Público, por meio da 2ª Promotoria de Justiça local, que tem como titular o promotor de justiça Milen Castro Medeiros de Moura, decidiu instaurar inquérito para apurar as irregularidades encontrada naquela unidade policial. De acordo com relatório do membro do ministério público, foram constatadas deficiências estruturais, administrativas e de recursos humanos, as quais estão comprometendo a segurança da população e atrapalhando o bom andamento das investigações de infrações penais. Entre as irregularidades encontradas, foi verificado a falta de controle dos objetos depositados naquela Delegacia; sem inventário periódico, falha de segurança no armazenamento de armas e drogas, falta de vinculação de armas e veículos aos respectivos procedimentos policiais; presença de grande quantidade de veículos acumulados no pátio da Unidade, sob o risco de deterioração; vulnerabilidade na segurança das instalações por defeito no monitoramento eletrônico, além do embaraço  na gestão dos expedientes, inexistência de livros para registro de fiança, cartas precatórias, entrada e saída de bens, armas e drogas, insuficiência de servidores; precariedade da estrutura do prédio, em especial no local de custódia dos detentos; problemas de acessibilidade no imóvel da repartição e insuficiência de equipamentos de informática.

Operação apreende máquinas caça-níqueis em Livramento

Sexta | 30.06.2017 | 16h32
Autor: L12


Foto: Reprodução/PM

Policiais militares da 46ª CIPM apreenderam 12 máquinas caça-níqueis durante uma operação em Livramento de Nossa Senhora, nesta sexta-feira (30), para combater jogos clandestinos. Segundo a corporação, os equipamentos estavam em pelo menos 5 (cinco) estabelecimentos comerciais localizados na cidade. De acordo a polícia, cinco pessoas foram conduzidas à delegacia para prestarem esclarecimentos. A polícia apreendeu ainda a importância de R$ 286,00, em espécie. Todas as máquinas foram apreendidas apresentadas na Delegacia de Livramento. Os donos dos estabelecimentos e os apostadores podem responder pela contravenção penal de exploração de jogo de azar.

Mais um acidente na BR-116 provoca morte de motorista, na Serra do Mutum

Sexta | 30.06.2017 | 15h36
Autor: Vitória da Conquista Notícias


Foto: Reprodução

Apenas poucas horas após um grave acidente, entre um ônibus e uma van, um novo acidente foi registrado, agora com vítima fatal. Um motorista morreu depois de perder o controle de uma carreta e bater na traseira de outro caminhão carregado com botijões de gás, no km 110 na BR-116, na manha desta sexta-feira (30), no entroncamento de Jaguaquara(BA). O acidente aconteceu por volta das 9h. A colisão aconteceu na região da Serra do Mutum, perímetro do município de Jaguaquara. O condutor da carreta morreu ainda no local do acidente, ainda não teve o nome revelado, ele estava sozinho no veículo, ainda não se sabe a causa do acidente, que ainda deverá ser investigada. A PRF foi até o local para retirar a vítima das ferragens, que morreu esmagado.

Ministro do STF derruba afastamento e libera retorno de Aécio ao Senado

Sexta | 30.06.2017 | 14h08
Autor: G1


Foto: Reprodução

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), derrubou nesta sexta-feira (30) o afastamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG) das funções parlamentares. Com isso, Aécio poderá retomar as atividades no Senado. Na mesma decisão, o magistrado negou um pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) para prender o senador. A Secretaria-Geral do Senado informou que assim que o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), for notificado da decisão do STF, Aécio já poderá retornar ao trabalho. Não é necessário nenhum outro trâmite, segundo a secretaria. Aécio havia sido afastado em maio por determinação do ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF, após a Operação Patmos, fase da Lava Jato baseada nas delação da JBS. A Procuradoria Geral da República apontou risco de o senador usar seu poder para atrapalhar as investigações e havia pedido a prisão de Aécio. No entanto, Fachin entendeu que a Constituição proibia a prisão do parlamentar e determinou o afastamento. O caso de Aécio ficou com o ministro Marco Aurélio após Fachin fatiar as investigações da delação da JBS. A defesa de Aécio havia entrado com um recurso no tribunal e desde então ele aguardava uma decisão para saber se poderia retomar as atividades de senador. O ministro também derrubou outras restrições aplicadas ao senador, como a proibição de falar com outras pessoas investigadas junto com Aécio – como sua irmã, Andrea Neves – e também de deixar o país.

Sudoeste: Acidente entre ônibus e van deixa duas pessoas gravemente feridas na BR-116

Sexta | 30.06.2017 | 13h06


(Foto: Tiago Almeida/Blog Itiruçu Online)

Um acidente envolvendo um ônibus e uma van, por volta das 6h desta sexta-feira (30), deixou duas pessoas gravemente feridas na BR-116, no sudoeste da Bahia. A colisão foi na altura da Serra do Mutum, nas proximidades do município de Jaguaquara. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente foi causado pelo motorista da van, que tentou fazer uma ultrapassagem e bateu de frente com o ônibus. Os motoristas dos veículos foram retirados das ferragens e levados para o Hospital Prado Valadares, na cidade de Jequié. O estado de saúde dos dois não foi divulgado. A PRF não tem informações sobre outros feridos.

WhatsApp adia fim do app em celulares antigos; veja novas datas

Sexta | 30.06.2017 | 12h14


Foto: Ilustração

WhatsApp adiou o fim do funcionamento do aplicativo em celulares com sistemas operacionais antigos ou com baixa adesão ao sistema. O encerramento ocorreria nesta sexta-feira (30), mas alguns deles foram programados para ocorrer apenas em 2020. As novas datas de encerramento são as seguintes: BlackBerry OS e BlackBerry 10: 31 de dezembro de 2017; Nokia S40: 31 de dezembro de 2018; Nokia Symbian S60: 30 de junho de 2017; Windows Phone 8.0 e versões anteriores: 31 de dezembro de 2017; Android 2.3.7 e versões anteriores: 1º de fevereiro de 2020. O único modelo que continuou na lista e deve parar de poder acessar o WhatsApp é o iPhone 3GS, que roda o sistema operacional iOS 6. O WhatsApp informa que, ainda que não vá encerrar imediatamente o suporte para as esses sistemas, alguns recursos podem parar de funcionar “devido a não desenvolvermos ativamente para estar plataformas”. “Estas plataformas possuem certas limitações que nos impedem de expandir nossos recursos no futuro. Caso você seja usuário de alguma destas plataformas, e queira continuar utilizando o WhatsApp, nós recomendamos que troque seu aparelho por um mais atual”, informa o aplicativo de mensagem.

Após tentativa de suicídio na cadeia de Brumado, preso é transferido para Barra da Estiva

Sexta | 30.06.2017 | 10h34
Autor: Informe Barra


Foto: Reprodução

Preso na delegacia de Brumado desde outubro de 2016 – onde aguarda julgamento – um detento (cuja identidade não foi revelada) da comarca de Ituaçu tentou suicídio na quarta-feira, dia 28. Segundo Informações obtidas pelo Informe Barra, presos descobriram, através de uma tatuagem com a imagem de um escorpião, que o referido detento faz parte da facção criminosa de Minas Gerais denominada “Comando da Paz”, a qual supostamente seria rival do PCC , que domina a região. Deste modo, o preso alegou que foi ameaçado e, com medo de ser morto, durante a entrega do café saiu da cela correndo ficando custodiado em outro espaço por cerca de 20 dias. Neste período ele pouco se alimentava e não queria tomar banho, pois acreditava que os presos iriam matá-lo eletrocutado durante o banho. Nesta quarta, ele então tentou suicídio com uma corda de fabricação artesanal, mas a ação foi frustrada com a intervenção do delegado plantonista e investigadores, sendo o preso transferido posteriormente para Barra da Estiva.

Homem é achado morto com tiro de espingarda na zona rural de Caetité.

Sexta | 30.06.2017 | 09h12
Autor: Caetité Notícias


Foto: Reprodução

Por volta das 19:00 hs da quarta-feira (28/09), uma guarnição da Polícia Civil e equipe da Polícia Técnica de Guanambi deslocaram-se até a comunidade de Limeira na região de Santa Luzia em Caetité, para periciar um corpo de um homem que foi achado sem vida, com uma perfuração de tiro de espingarda na região das costas. Segundo apurou a redação do Caetité Notícias, Florisvaldo Pereira da Silva, 51 anos, foi achado sem vida, por populares por volta das 16:00 hs. A primeira hipótese da conta que Florisvaldo teria sofrido um acidente, onde a espingarda de sua propriedade teria disparado, após o mesmo a colocar nas costas.  O tiro atingiu Florisvaldo na região da coluna atravessando seu peito. O corpo da vítima foi levado ao IML de Guanambi, para perícia e liberação posterior para sepultamento. A Polícia Civil deve investigar o caso.  

Bancários decidem fazer paralisação nesta sexta

Sexta | 30.06.2017 | 08h07
Autor: G1


Foto: Ilustração

Os bancários de entidades filiadas às federações e à Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) decidiram paralisar as atividades nesta sexta-feira (30) em adesão aos protestos pelo país contra as reformas trabalhista e da Previdência, propostas pelo governo de Michel Temer, e por eleições diretas. A expectativa da confederação é de que a paralisação tenha maior adesão do que nos protestos do dia 28 de abril. A Comissão Executiva dos Empregados da Caixa Econômica Federal (CEE/Caixa) enviou na quinta-feira (29) um ofício à Caixa informando que os empregados também participarão da paralisação desta sexta. “Conforme determina a Lei, estamos avisando a Caixa antecipadamente que os empregados paralisarão as atividades nesta sexta-feira e queremos que seja garantido este direito dos trabalhadores, sem que haja retaliações”, explicou o coordenador da CEE/Caixa, Dionísio Reis Siqueira.

Meirelles diz que governo pode elevar impostos para cumprir meta fiscal

Quinta | 29.06.2017 | 20h05
Autor: G1


Foto: Ilustração

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta quinta-feira (29) que a o governo elevará impostos, se verificar que a medida é necessária para o cumprimento da meta fiscal neste ano. Ele disse, porém, que essa decisão ainda não foi tomada. Para 2017, a meta fiscal é que as despesas do governo superem a arrecadação em até R$ 139 bilhões. Essa conta não inclui os gastos com o pagamento de juros da dívida pública. Apesar de já significar um novo rombo nas contas públicas, o governo enfrenta dificuldade para cumprir a meta devido à demora na retomada do crescimento da economia, que vem frustrando as expectativas de receita com impostos. "Se for para aumentar impostos, vamos aumentar. Agora, não foi tomada essa decisão. A Fazenda e o Planejamento estão trabalhando o tempo todo nisso. Em algum momento, se se configurar a necessidade de aumentar impostos, certamente o faremos", disse Meirelles a jornalistas. "Não vamos deixar de cumprir objetivos por uma resistência teórica ao aumento de impostos", declarou ele, se referindo à meta fiscal. A expectativa de economistas é que, diante do fraco ritmo de recuperação da economia, a arrecadação tenha uma performance pior que a esperada anteriormente. A própria equipe econômica já revisou para baixo a expectativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2017. Na última pesquisa Focus do Banco Central, que ouve semanalmente uma centena de economistas, a previsão para alta do PIB em 2017 oscilou de 0,4% para 0,39%.

Governo baixa meta da inflação pela primeira vez em 14 anos

Quinta | 29.06.2017 | 18h06


Foto: Ilustração

O Conselho Monetário Nacional (CMN) anunciou nesta quinta-feira (29), após reunião em Brasília, que a meta central de inflação será de 4,25% em 2019 e de 4% em 2020. A decisão significa a primeira redução na meta central de inflação desde 2005. De lá para cá, a meta, que tem que ser perseguida pelo Banco Central, permaneceu em 4,5% ao ano - índice considerado alto para padrões internacionais. A meta de 4,5% vai vigorar até 2018. A redução da meta indica, portanto, que o governo vai perseguir uma inflação mais baixa nos próximos anos e cria a expectativa de preços mais estáveis no futuro. Isso tende a trazer benefícios imediatos para os consumidores e as empresas, na formação dos preços e também nas taxas de juros cobradas pelos bancos. Entretanto, se a inflação não se comportar conforme o previsto, o Banco Central pode ser obrigado a elevar os juros ou deixá-los em um patamar mais alto, para cumprir as metas mais baixas. Além da meta central, o sistema brasileiro de meta de inflação prevê um intervalo de tolerância, para cima e para baixo, que foi mantido pelo CMN nesta quinta em 1,5 ponto percentual. Com isso, o Banco Central cumprirá a meta se a inflação oscilar entre 2,75% e 5,75%, em 2019, e entre 2,5% e 5,5%, em 2020. Nos últimos cinco anos, o IPCA tem ficado bem distante do centro da meta de 4,5% e mais próximo ao teto de 6,5%. Entre 2012 e 2016, a inflação variou de 5,84% a 10,67%.

Conquista: Menina internada com suspeita de virose morre e família desconfia de remédio

Quinta | 29.06.2017 | 17h01
Autor: G1 Bahia


Foto: Reprodução

A família da menina Eloisa Dias Santos, de um ano, que morreu na noite de quarta-feira (28), acusa a médica que a atendeu no hospital São Vicente, de Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia, de ter usado um medicamento inadequado. A família ainda diz que o hospital de omitiu informações no prontuário da criança. A menina estava internada na unidade médica desde a segunda-feira (26), com suspeita inicial de virose. O corpo foi velado nesta quinta-feira (29), sob comoção dos familiares. A direção do hospital disse que o atendimento foi adequado, mas que abriu sindicância interna para apurar o caso. A família conta que a criança teve vômitos depois de tomar um medicamento chamado Berotec e que chegou a ser diagnosticada com um problema cardíaco, a cardiomegalia, uma doença que aumenta o tamanho do coração. O Berotec pode provocar alguns efeitos colaterais como, arritmia, taquicardia, palpitação e isquemia do miocárdio. Na declaração de óbito da criança, a morte não foi determinada e a causa não foi esclarecida. O corpo de Eloisa passou por necropsia no Departamento de Polícia Técnica de Vitória da Conquista. O resultado que vai apontar a causa da morte deve ficar pronto em dez dias. A família já prestou queixa na delegacia da cidade e espera pelo resultado do laudo para entender o que aconteceu. “Se foi detectado que houve erro, a responsabilidade, eu entendo, que é solidária, tanto do hospital quanto do profissional de saúde que atendeu Eloisa. Por uma questão de cautela, vamos aguardar o resultado de todos os exames”, afirmou o advogado da família, Davi Salomão.

Projeção do Ipea para crescimento do PIB de 2017 é de 0,3%

Quinta | 29.06.2017 | 16h09


Foto: Ilustração

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revisou suas projeções macroeconômicas diante do aumento da incerteza nos últimos dois meses. A previsão para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2017 ficou em 0,3% enquanto a de 2018 em 2,3%. Na Carta de Conjuntura anterior, o instituto previa crescimento do PIB em 0,7% neste ano e em 3,4% no ano seguinte. Apesar disso, o Ipea avalia que a economia brasileira manteve a trajetória de retomada gradual da atividade. "Após o impacto inicial dos eventos políticos ocorridos em maio sobre a taxa de câmbio, as taxas de juros de mercado e os índices acionários, houve certa estabilização seguida de recuperação parcial dos preços dos ativos. A manutenção desta relativa estabilidade econômica permanece, porém, condicionada à evolução do quadro político", diz a carta. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) também mudou, passando de 3,9% para 3,5% neste ano e de 4,5% para 4,3% em 2018. "Em que pese o fato de que boa parte deste recuo veio por conta da forte queda nos preços dos alimentos (1,1% nos últimos 12 meses), a tendência desinflacionaria é disseminada e se verifica em todos os demais itens que compõem o índice", destaca a carta. O Ipea avaliou que o cenário é de maior incerteza em relação à aprovação das reformas constitucionais ora em discussão no Congresso Nacional e já considerando os dados mais recentes de atividade econômica.